segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Lucian Freud

Lucian Freud (8-12-1922), neto de Sigmund Freud, é um artista alemão, porém, se mudou para o Reino Unido ainda com 11 anos com sua família, para fugir do regime nazista. Ganhou a cidadania britânica em 1939 e se dedicou aos estudos. Atualmente vive e trabalha em Londres.

Lucian Freud é um nome extremamente importante na pintura atual. Chegou a pintar a rainha da Inglaterra a seu pedido.

Blond girl on a bed
1987
Oil on canvas
41 x 51 cm
James Kirkman Ltd., London


Nas obras de Freud costumamos ver muitos nus, grande maioria de pessoas do ambiente do artista (amigos, parentes, sua filha, amantes...). Suas pinturas nos mostram através da tinta a carne, o peso da gravidade atuando sobre o corpo, a força do tempo, o psicológico.

São pinturas extremamente cuidadosas, e a cada pintura nova mais tempo ele demora em abri-la ao mundo. Abrir, pois completar, é algo que não deve passar pela cabeça do nosso pintor.

Naked man on a bed
1987
Oil on canvas
56.5 x 61 cm
James Kirkman Ltd., London


São meses, anos. Mais tempo que se leva para cultivar uma vida dentro do corpo da mãe, o quadro é uma nova vida. Deixa de ser representação e passa a ser poética, onde camadas e mais camadas de pigmentos sobrepostos formam a trama complexa de um ser em tons terra, amarelo nápole, calor. Cada pincelada é imbuída da grandeza intelectual de um ser que vive para criar “vidas-sobre-tela”.

Naked girl asleep, II
1968
Oil on canvas
55.8 x 55.8 cm
Private collection


A carne salta para além da tinta, é possível sentir cada curva, cada marca da expressão de uma face que é possuída por história e subjetividade. As poses, muitas vezes estranhas, nos falam sobre o interior, a dor, a sensualidade, a austeridade. É preciso uma linha tênue para separar uma face séria de uma carantonha sarcástica.

Portrait of Queen Elizabeth II

2001

Oil on canvas

15 x 22 cm

Queen’s Gallery, Buckingham Palace

E o meu papel, aqui, de tentar expressar com palavras aquilo que meus olhos não conseguem abarcar completamente? Faço-lhes um convite para que apreciem todo esse óleo-sobre-tela, e para que descubram, como eu, aos poucos toda essa aterradora morada da inconsciência humana que Lucian Freud nos apresenta em imagem, e a qual Sigmund Freud já nos abriu palco em palavra.

Eu pinto pessoas não precisamente pelo que elas parecem, não exatamente pelo que elas são, mas como eles deveriam ser.
Lucian Freud
Girl with closed eyes
1986/87
Oil on canvas
45.9 x 58.7 cm
Private collection






Postado por -Flávia Helena-

8 comentários:

lordy disse...

Puuuutz!!!
Tem coisa pra caramba aki hein???
Tem q divulgar mais na sala!!!!
Valeew!

Lidianne Andrade disse...

wow
putz!!!
muito bem

Ane disse...

Legal as pinturas. parecem fotografias!!

Bia *~* Ballu disse...

Lindas pinturas. Bom blog =D




http://alacarte-domeujeito.blogspot.com/

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Eu não sabia que o neto do Freud, é pintor.
Ele tem talento, mas suas pinturas, é algo sem vida, uma pintura triste...



http://hdebarbamalfeita.blogspot.com/

muvilord disse...

Interessante...
bem legal!!
parecem fotografias!! [2]

Ana Lucia Nicolau disse...

pinturas marcantes...gostei muito

solnajanela disse...

Adorei o Blog, Já tô c saudades da turma buáaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa